Descobrindo Portugal...

Algumas voltas a dar em Portugal

quinta-feira, 20 de abril de 2006

Sul Alentejano

Duas diferentes propostas para voltas pelo Sul Alentejano, ambas com partida de Évora. Algumas fotos.

Trajecto 1:
Reguengos->Monsaraz->Mourão->Aldeia da Luz->Amareleja->Barrancos->Moura

Sugestões:
Reguengos - Igreja Matriz, Núcleo Megalítico, Herdade do Esporão.
Monsaraz
- Torre da Porta da Vila, Castelo, Igreja Matriz, Porta da Alcôva.
Mourão - Castelo, Praça da República, Igrejas.
Aldeia da Luz - Museu, Albufeira do Alqueva, a aldeia em si e sua arquitectura.
Amareleja -
Capela de Sto António, Torre do Relógio, Igreja Matriz, Ponte Romana, Moinhos.
Barrancos - Castelo de Noudar, Moinho da Pipa, Enchidos.
Moura - Barragem do Alqueva, Atalaia Magra.

Trajecto 2:
Serpa->Pulo do Lobo->Mina São Domingos->Pomarão->Mértola

Sugestões:
Serpa - Castelo Velho, Igrejas, Museus, Torre do Relógio.
Pulo do Lobo - A paisagem...
Mina São Domingos - Lagoa ácida, praia fluvial, antiga oficina ferroviária, caminho de terra até ao Pomarão.
Pomarão - Vista do miradouro, experimentar o caminho de terra batida até Alves, em direcção a Mértola
Mértola - Castelo, Igreja Matriz, Torre do Relógio, Centro Arqueológico, Convento São Francisco

2 Comments:

At 29 agosto, 2006 16:05, Blogger eriovasti said...

http://serpa-eriovasti.blogspot.com

 
At 02 julho, 2007 14:05, Blogger Susete Evaristo said...

Olá é só para dizer que voltamos:

Serpa-eriovasti

Sábado, Junho 30, 2007
Voltar a publicar 2

Voltando à temática deste blogue, cuja última publicação há meses, foi sobre o Monumento a Luiz Vaz de Camões, propomo-nos agora continuar.
Depois de termos percorrido a maior parte das ruas de Serpa, numa visita que nos levou do coração da Cidade, até aos arredores, de apreciamos as Ermidas pequenas e brancas que denotam aqui e ali a devoção das gentes da nossa terra, a Serra e o Guadiana, desde as Pontes ao Pulo do Lobo, detivemo-nos por momentos no Cante Alentejano, essa melopeia antiga que embalou a minha infância, visitámos os Museus e o Jardim, olhámos com alguma atenção os Fontanários e os tão caracteristicos Chafarizes, iremos debruçar-nos sobre a Cultura e o Desporto, ao mesmo tempo que continuaremos a passear por essas ruas cheias de recordações.
Veremos as ruas antigas, algumas que hoje com novas roupagens estão completamente diferentes senão irreconheciveis. Falaremos das lendas, histórias e milagres que estão associados a Serpa e também, de personagens da História, dos homens de cultura, dos Santos e outras figuras grandes que em Serpa nasceram. Enfim de toda a recolha que durante estes meses de silêncio fui juntando para vos oferecer.

 

Enviar um comentário

<< Home